quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Kafka, dá um tempo!!! Será que você só trabalha para a VIVO e não larga do meu pé???

Caros colegas,

Esta mensagem foi enviada  para a assessoria de imprensa da VIVO e para o Advogado de Defesa do Jornal da Tarde, pois creio que não posso ser atendida como jornalista, mas como consumidora comum, que tem deveres cumpridos e direitos usurpados.

Gostaria que esta reclamação estivesse na página do jornal de acordo com o relato que se segue.

Esta reclamação diz respeito à linha (11) 9931-7333, cujo protocolo de cancelamento é 2011 11 43 42 53 15, de (08/11).  Desde agosto venho questionando a cobrança indevida de uma conexão à internet de R$ 300,00 sendo que esta linha era usada em um plano básico de R$ 48,00, que eu só preservava por ser um número muito antigo, aliás, o primeiro desde que surgiu celular no Brasil. Tenho uma linha corporativa com acesso ilimitado e que me custa R$ 79,00. Por que usaria uma conexão por demanda para pagar um absurdo desses???? 

A linha estava em meu nomeO número de protocolo da última reclamação  feita na sexta-feira passada (11/11/2011) é 2011 11 51 55 28  34.

O número de protocolo junto à ANATEL  é 1631 880 2011

Fiz a contestação em agosto, em setembro e  em outubro, sempre pedindo que me enviassem  a fatura correta, que seria a minha garantia de cobrança para o pagamento. Em novembro recebi uma cobrança, vejam no anexo, informando que meu nome seria incluído no SERASA. Eu jamais me recusei a pagar esta conta, mas me recusava a pagar o valor indevido.

No dia 07 de novembro falei com o tal escritório de cobrança, que me passou o valor de R$ 97,56 , com descontos promocionais (!!!!) , e com o código de barras a conta foi paga na hora, conforme cópia abaixo do comprovante do banco Itaú!!!

clip_image001

Você está recebendo esta comunicação de operação realizada
no Itaú Bankline enviada por SANDRA REGINA G DE ANGELIS.
Comentário do remetente: Pagamento VIVO
Acesse o site clip_image002 para obter o comprovante e informe os dados abaixo:
Valor: R$ 97,56
Número do Controle: 4513.3237.96
O comprovante estará disponível por 30 dias.
Atenciosamente,
Banco Itaú

clip_image003

Hoje recebi um  torpedo com uma cobrança para que eu pagasse a conta em atraso!!!!  Como assim????

Fiquei  mais de 40 minutos pendurada no atendimento *8486, e há mais de 10 dias com meu CPF no Serasa, graças a mais um erro hediondo de cobrança da VIVO. Uma cobrança indevida de 300 reais por acesso à internet que veio sendo contestada desde agosto e ao invés de corrigirem o erro e me enviarem uma cobrança correta, me mandaram uma cobrança errada e já colocaram meu nome no Serasa?!?!?! 

No dia 11/11, creiam, recebi uma cobrança de R$ 61,58 datada de 17/08/2011, mas postada em 07/11/2011, conforme cópias  enviadas à Assessoria de Imprensa da Vivo e ao Jornal da Tarde.

O acesso pelo site www.vivo.com.br/meuvivo não funciona, porque cancelei a linha, achando que com isso e com o pagamento da conta correta quitado meu drama teria chegado ao fim.

Enganei-me...meu nome continua no Serasa. O que faço para me livrar de mais este processo “kafkaniano” ???? 

Meu outro celular é 11 9911 -3798 e meu MTB é 15.911.

Permaneço à disposição para outros esclarecimentos e agradeço a atenção.

sábado, 7 de maio de 2011

Intransigência da Transit Telecom prejudica usuários Skype no Brasil

Acabo de postar no site da ANATEL, a carta abaixo. Para quem não sabe, há milhares de pessoas no Brasil, que ao invés de se aprisionar e pagar caro por uma linha de telefone tradicional, fixa etc., tem uma linha Skype, e pior, JÁ ESTAMOS SEM ELA!!!


O serviço, que agora não está mais disponível no Brasil ( e só no Brasil, tá?) é um número de linha fixa e você poderia escolher o DDD que lhe conviesse para facilitar a comunicação com clientes ou parentes em qualquer local do país e até do mundo. Agora, só do mundo!


As pessoas que ligassem para este número, poderiam falar com você onde estivesse, desde que houvesse uma comunicação via internet. O serviço, mega prático e inteligente, também possibilitava a transferência de chamadas para o seu telefone fixo ou móvel, transpondo até a necessidade de você estar conectado ou não.

A lógica por traz disso é a operação em rede, a liberdade comercial, o micro empreendedorismo, as atividades comerciais e de representação mundiais, configuradas para esses novos tempos, onde não se gasta mais com grandes estruturas empresariais físicas. Funciona assim na Europa, na Asia, nas Américas Central e do Norte, mas não FUNCIONA no Brasil.

O meu palpite é que este é mais um efeito da maldita reserva de mercado tacanha das operadoras de telefonia fixa e móvel que atuam no Brasil.


O Skype AFETA a receita da Transit Telecom, que era a subsidiária da multinacional no Brasil, bem como afeta as demais operadoras instaladas no país.


Eu até então, gerenciava meus custos com telefonia, contemplando as despesas com o Skype, que me custam, em média, por mês, R$ 30,00.


O número (11) 3717-4958 está em todos os meus cartões de visita, no meu site, na assinatura dos meus e-mails e eu ainda não sei como vou contornar o problema AGORA QUE PERDI esse número, pois a minha rede de relacionamento está sem esse recurso para falar comigo A PARTIR DESTE SÁBADO - 07/05/2011.

Portanto, para me posicionar e exigir da ANATEL, um posicionamento em favor de nós, usuários, postei a seguinte carta no site do orgão regulador. Não o fiz no site da Transit Telecom porque o espaço reservado para este assunto está com erro de programação e nos impede de postar o texto, MAS MANDEI UM E-MAIL, COM CÓPIA A TODOS OS MEUS CONTATOS, à assessoria de imprensa da empresa.

Carta à ANATEL

Minha reclamação, desta vez, é contra a Transit Telecom e a rescisão contratual da empresa contra o Skype, empresa multinacional fornecedora de serviços de comunicação via internet (VoIP). Tenho uma assinatura Skype há mais de uma década e um fone Skype –fonteac - (11-3717-4958) há cerca de 5 anos.

Esse número, segundo nos informou o Skype, não poderá ser renovado ao final do contrato porque a subsidiária da empresa no Brasil, a Transit Telecom, decidiu unilateralmente, rescindir o contrato com o Skype, a despeito dos milhares de assinantes locais desse serviço BOM, BARATO e INTELIGENTE, principalmente para micro empreendedores que, como eu, têm de gerenciar à risca, seus gastos para poder sobreviver em seus ramos de negócio.

Esse número de telefone me custava ANUALMENTE cerca de R$ 100,00, está em todos os meus cartões de visita distribuídos ao longo desses anos todos, está na assinatura dos meus e-mails e tem sido distribuído à minha rede de contatos diuturnamente.

Gostaria de saber se a ANATEL vai ou não tomar providências em relação à Transit Telecom, pois a atitude retrógrada da subsidiária pode até estar amparada pela Lei do Brasil, mas REALMENTE vai prejudicar milhares de pessoas que, como eu, se valem de serviços BONS, BARATOS e inteligentes, com excelente prestação de serviços ao usuário, práticas que, se bem conheço, são DESCONHECIDAS das operadoras de telefonia móvel e fixa no Brasil.


Grata.


Sandra de Angelis (11) 3641-6787/9911-3798

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

A cobrança de torpedos do meu moden 3G voltou

Hoje cheguei em casa lá pelas 11h da noite e fui agraciada com mais uma conta da VIVO. O moden 3G que eu comprei com preço fixo para poder ter controle dos meus gastos com telefonia e conexão trouxe mais uma surpresa na conta. A cobrança de R$19,96 adicionais de serviço SMS!!!
Ora, lembro-me claramente que eu exigi o bloqueio desse tipo de serviço nessa linha e inclusive o fiz por meio da Anatel, orgão que deveria regular essas empresas de telefonia no pais com mais pulso, quer dizer, com firmeza. O preço do serviço é caro, a qualidade do serviço é ruim e os mecanismos de cobrança vorazes e dolosos. Bem, registrei o protocolo 2011 572 863 354 e amanhã, dá-lhe Anatel, Reclame aqui e redes sociais, pois todo mundo tem de ficar muito esperto com as cobranças de telefonia. Imagine R$ 19,96 cobrados de 1 milhão de usuários! Dá lucro dar um "capote" no mero usuário. Eles têm o meu CPF e podem fazer o que quiserem.
Ah, para anotar, eu fiquei 50 minutos na linha para registrar esse protocolo, tá? Pra mim, isso também é proposital, pro usuário DESISTIR de reclamar. Mas comigo a estratégia não funciona!!!

A Anatel já me atendeu pelo telefone 133, em exatos 5 minutos e registrou o protocolo 62.795.2011. A Vivo tem um prazo de até 5 dias úteis para me retornar a ligação e dar solução para o problema.

Gente, vale a pena reclamar. Não tenham medo ou preguiça de questionarem valores e fatores que os incomodam. Assim a gente consegue melhorar um dia!

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

O som do carro ou o carro do som?

Estou muito feliz de ter estado de férias por 10 dias na Praia do Saco, na cidade de Estância, a cerca de 70 km de Aracaju, que adoro e visito frequentemente porque tenho parentes na cidade. Adoro também porque adoro o Nordeste, o clima, a paisagem, as praias e a natureza!

Mas fiquei chocada de ver, na praia e depois na cidade, a eloquência e a falta de educação dos endinheirados locais. Explico: o sujeito compra uma maravilhosa Hilux 4X4, atrela uma carreta com um equipamento de som completo, desses que se usa em trio elétrico, coloca uma “música”, em áspas porque são todas de gosto duvidoso, e sai pelas ruas compartilhando sua exibição insana pelas ruas, bares e pior, pelas praias. O silêncio os incomoda, efetivamente. Graças a Deus eles passaram apenas algumas horas na região onde eu estava, porque, imagino, a natureza era muito singela, o mar fazia mais barulho que eles e o vento os torporizava.

A natureza é exuberante, a simplicidade das pessoas do local chega a emocionar. A maioria, por mais difícil que seja a vida, está sempre com um sorriso no rosto, mas os endinheirados e sem cultura, ou emergentes com a decantada “falta de cultura para cuspir na estrutura” (Toca Raul!!!), demarcam seus territórios prepotentes e ostentam suas posses em alto brado.

Soube depois que há lei local e federal para coibi-los, mas quem se arvora a chamar as autoridades? E haveria a necessidade de intervenção do Exército para debelar tantos infratores. Gente, eram muitos, mesmo.

Bem, como sou uma “devota” de Dom Quixote, conclamo a todos os cidadãos de bem e cumpridores das leis a se posicionarem contra essa maldita moda do som de carro ou carro de som. Vocês podem e devem chamar a POLÍCIA quando esses energúmenos prepotentes vierem compartilhar suas músicas na sua orelha, sem sua autorização ou solicitação.

Aqui em São Paulo, ou seja, na minha casa, não permito esse tipo de violência perto de mim. Na Praia de Toque-toque, algumas raras vezes apareceram essas antas eloquentes e se arrependeram de ancorar por lá, pois se frustraram em sua necessidade exibicionista. Se a “chata de plantão”, eu mesma, não pode ter o direito de dormir, conversar, ler, ouvir sua própria música etc, haverá uma solicitação gentil para que o som seja reduzido e se não for atendida, chamo a polícia e assumo a batalha de peito aberto. Resultado? TODOS os meus dias por lá eram de paz e respeito a mim e ao próximo. Garanto que vale a pena combater esses doentes!

sábado, 25 de dezembro de 2010

Extra-terrestre visita Sampa na véspera de Natal

Imagine que um extra-terrestre, um ser muito mais evoluído que o melhor dos terráquios, chegou em Sampa nesta época do ano! Pelos estudos que fez no Google Maps, ele queria conhecer a maior cidade da América Latina, que fica encravada no país do Futebol e do Carnaval, onde as pessoas são alegres, o país tropical bonito por natureza e coisa e tal…mas também queria ver onde é que se concentram os maiores investimentos, o centro econômico do estado mais rico desta nação e tal e tal e tal….Hipérboles à parte, lá vem o extra-terrestre e planeja sua aterrisagem em um heliponto qualquer na av. Paulista. A data - domingo - 19/12, para aproveitar e dar uma esticadinha nos festejos de fim-de-ano.

Ele chega por volta das 20h, logo após o anoitecer. O clime é agradável, a luz de sua nave espacial se confunde com a decoração dos edifícios e da avenida, e ele, em um primeiro momento, se emociona com a paisagem urbana, tranquilo, já que ninguém viu que ele estava ali. Olha do alto do edifício e vê lá embaixo, muitas “naves terráquias” paradas na mais paulista das avenidas e muitos humanos andando a pé de um lado a outro. Intriga-se!

Apesar daquele calor dos trópicos, a decoração da avenida e de muitos dos prédios de bancos e de grandes corporações remonta à neve…intrigou-se de novo. “Será que eles gostam tanto de neve assim? Eu não sabia que nevava aqui…preciso analisar mais a fundo a pesquisa que fiz…” Anotou para analisar depois e prosseguiu na visita…Logo percebeu que as “naves” que vira na aterrisagem eram veículos, meios de transporte dos terráquios e que se aboletavam um atrás do outro porque simplesmente não havia lugar para tantos de uma só vez…

Cada vez mais intrigado, perguntou a um terráquio que estava a pé, o que se passava naquele instante, e foi surpreendido pela resposta: “Ah, sim! A gente veio ver as luzinhas de Natal da Paulista….”.(SIC) E ele fez novas anotações para análise posterior…Ficou observando um palco ínstalado que atravessava a avenida de um lado a outro, como uma ponte, todo revestido de veludo verde e vermelho. A figura do Papai Noel também lhe era curiosa, aquele velhinho de barbas brancas e muitas roupas de frio, com pele nas mangas e nas golas, sob uma temperatura de 23 graus Celsius…E imaginou como isso seria durante o dia, sob 35 graus!!!! Ufa!!!

À medida que o tempo passava aquela concentração de “naves” aumentava nas ruas adjacentes e era evidente que os condutores das naves começavam a se sentir mal naquela situação e começavam a atravessar no farol vermelho, passar pela guia, subir nas calçadas etc, tudo para poder escapar daquela situação. E o nosso turista longínquio entendia cada vez menos o que acontecia.

Parou no mezanino do Conjunto Nacional e começou a fazer um relatório do que via para a base instalada na Nave mãe, que taxeava próxima à Lua. Não precisou mais do que 10 minutos para que o comando da Nave o chamasse em emergência :

Atenção, atenção – seu relato não se alinha com nenhum registro racional e lógico dos nossos computadores !!!

Os softwares de análise estão em modo incompatível com análises de comportamento!

Não conseguimos prosseguir no desenvolvimento de qualquer entendimento do que registramos em seu relatório!

Favor evitar piadas e brincadeiras, porque nem no modo Mentirinha os softwares conseguem processar as informações!

Alertamos ainda que tal comportamento de nossos enviados pode ser punido, pois não se alinha com os propósitos desta missão…

E constrangido com o alerta da base, o extra-terrestre respondeu ao comando central:

“Lamento, mas a descrição do cenário local é 100% fiel ao que ocorre neste momento. As pessoas desta cidade sairam de casa com seus carros e suas famílias para virem a esta avenida, uma das mais importantes da cidade, para observar a decoração que eles chamam de Natal, época de festejos religiosos que ocorre em várias partes deste planeta simultaneamente.

Fica impossível, entretanto, entender por que:

  • Eles gostam de enfeitar tudo com elementos de neve, apesar do calor tropical;
  • Eles gostam de veludo verde e vermelho para compor a decoração apesar do calor tropical;;
  • Usam árvores artificiais de pinheiros, espécie típica de regiões de clima frio;
  • Eles vêm com suas naves, todos ao mesmo tempo, para ver as luzes externas instaladas nas fachadas dos edifícios e nos postes da avenida, mesmo que isso paralise o tráfego por horas na via e nas adjacentes;

Entendo que nossa pesquisa científica deva ser interrompida, porque não temos base lógica de análise de comportamento desta espécie de vida na Terra. Meu diagnóstico é que eles precisarão evoluir mais 100 anos até que mereçam estudos tão elaborados para os nossos investimentos neste planeta e especialmente, neste país onde aterrisamos para iniciar nossas pesquisas de campo. Enfim, estou retornando à base"! Câmbio!

domingo, 28 de novembro de 2010

In memorian

In memorianMansão antes

Você está vendo essa linda árvore ?  Por quase 20 anos eu usufruí de sua imponência, suas sombras, seu aroma, sua existência. Nos fundos da casa havia uma outra, mas inadvertidamente, nunca a fotografei…Ambas foram cortadas porque atrapalharam seres humanos.  Nesse meu espaço onde cabe tudo que eu quero, ficam os meus agradecimentos às duas e o pedido de perdão a Deus, pela  ação  daqueles que continuam a cometer ignomínias por obra e graça da ignorância.

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Mais uma tarifa cobrada indevidamente pela VIVO

Comprei uma placa 3G para uso exclusivo de acesso à internet VIVO, cujo número é 11 9519-1099 e cujo pacote de 1G de dados me custaria por mês, R$ 89,90. Hoje recebi a conta completa e veio uma fatura de mais R$ 24,95 referentes a 5 SMS ao programa do SBT em parceria com um tal de TJ Net, cod. 46.928, serviço que eu JAMAIS contratei na minha vida. O fato é que, segundo o atendente do Callcenter, é possível entrar em sites de uma série de serviços e digitar um número de celular qualquer para fazer, por exemplo, download de música filmes ou horóscopo. Provavelmente o número da minha placa de acesso à internet foi contemplada e usada por algum desocupado, segundo informou o gentil atendente.

O protocolo de atendimento para o estorno da cobrança e também para o bloqueio definitivo deste recurso da minha placa 3G é 2010 433 004 998 e para este registro eu perdi mais de 30 minutos do meu precioso tempo. E segundo o atendente, só a partir de hoje, 14/10/2010 é que o bloqueio total da linha está habilitado, pois se o número foi usado depois da emissão da conta, ora, eu terei de solicitar à operadora, mais uma vez, o estorno da cobrança indevida.

Franz Kafka invocado novamente, me atribui um custo adicional, que eu não sei por que fui cobrada, quando isso ocorreu e por que isso apareceu na minha conta!!!

Imagine se essas idiossincrasias ocorrem a, por exemplo, 1.000 usuários...ou 20 mil, ou 1 milhão de pessoas no país inteiro!?! Olha a grana arrecadada, gente. Fiquem de olho na sua conta de celular, pois até download de game a R$ 1,99 já apareceu do nada na minha conta!

Só que disponham de mais de 30 minutos para reclamar e botar a boca no trombone depois. Precisamos alertar a todos os usuários que eles podem ser assaltados das mais diversas maneiras. Por exemplo, essa descrita. Agora eu gostaria de saber se a ANATEL vai investigar o procedimento e punir o culpado disso.